sexta-feira, 10 de abril de 2015

SEU CAMINHO SOLITÁRIO

Título Original: Hourou-Ki
Diretor: Mikio Naruse
Ano: 1962
País de Origem: Japão
Duração: 123min

Sinopse: Baseado na vida e carreira de Fumiko Hayashi, a romancista cujo trabalho Mikio Naruse adaptou várias vezes para a tela. Da infância à vida adulta, Fumiko enfrenta uma pobreza amarga. Tendo que trabalhar apenas para comer e ajudar os pais, ela espera o reconhecimento literário. 

Comentário:  Como todos os filmes que já assisti do Mikio Naruse, este não foge a regra, é muito bom. Hideko Takamine interpreta muito bem a escritora, consegue passar aquele olhar de amargura mesmo quando está sorrindo. Achei que o filme cansa um pouco, mas o melhor é na reflexão de vida que acaba trazendo junto. Porque muitas vezes afastamos pessoas que nos fazem bem e insistimos em manter relações que nos fazem mal? Fumiko Hayashi parecia perita no assunto. Com o desfecho e o pouco que aparece da velhice da escritora, ficou um gosto amargo na boca, como se ela tivesse se tornado uma pessoa rancorosa e esquecido vergonhosamente de onde realmente veio, mas pode ter sido uma impressão errada que eu tive. Dos três filmes que assisti do diretor, este foi o que menos gostei, mas é um filme forte e que vale a pena. O filme é baseado na própria autobiografia da escritora.


Nenhum comentário:

Postar um comentário